3 maneiras de arruinar sua marca

Saber o que é preciso fazer para o sucesso é tão importante quanto o que fazer para evitar a ruína da marca. Por isso, Paul Jankowski, contribuidor da Forbes, falou no blog da revista sobre as três maneiras de arruinar sua marca. Inspirados no que ele disse, abordamos mais profundamente os pontos levantados por ele.

1. Aposte nos estereótipos
Estereótipos são uma das maneiras mais fáceis de arruinar uma marca. Nós não precisamos aprender a estereotipar ou julgar os outros. Cada região, raça, sexo e idade é estereotipado de certa forma. Negros são bons atletas, as mulheres não sabem dirigir, populações rurais são caipiras atrasados, entre outros… Bom ou mau, certo ou errado, ofensivo ou não, estereótipos fazem parte da natureza humana, e é uma maneira infalível de arruinar a sua marca.

2. Ignorar os valores e a cultura.
A cultura e os valores são fundamentais e, muitas vezes, são difíceis de mensurar, uma vez que você não pode medir o seu impacto como você poderia com dados demográficos e psicográficos. Não importa o quão distintos os grupos são, encontrar um elo comum entre eles é fundamental na compreensão de como eles pensam. Como, por exemplo, Negros, Latinos, Texanos, qual é a semelhança entre estes grupos? A dependência de valores, como a fé (não necessariamente religião), comunidade e a família. Cultura e valores desempenham um papel significativo no modo como os consumidores reagem a certas mensagens. Logo, nunca se esqueça de incluir esses pensamentos em seus insights, pois são cruciais para sua marca.

3. Não incluir estratégias criativas.
Esta é uma das melhores maneiras de garantir o fracasso de sua marca. Garanta o lado criativo de sua equipe e tente recuperar o atraso com alguns elementos necessários para a desenvoltura desta área, como pensar na essência da marca, dar briefings criativos e trazê-los para a realidade. Pode ter certeza que, uma vez que você torna suas idéias criativas, sua marca terá um retorno incrível.

Inspirações Relacionadas